“Por ti tenho sido sustentado desde o ventre;

tu és aquele que me tiraste das entranhas de minha mãe;

o meu louvor será para ti constantemente”(.Salmos 71:6)

 Como é bom louvar a Deus. Tenho experimentado algumas coisas novas com o Senhor e Ele tem se revelado em sua grandeza e misericórdia como sempre, só que agora tem se apresentado no simples, no pequeno, no oculto. Sabe quando não estamos nem esperando algo de Deus e Ele vem e nos surpreende com algo que até esperávamos mais não pedimos. Pois é! isso aconteceu. Nem pedi à Deus, apenas agi e Ele me abençoou.

Com isso, muitos de nós esquecemos de agradecer né. Só porque não pedimos não significa que não foi Ele quem nos deu. E ainda por cima corremos o risco de fazermos com Deus o que acontece naquele filme “Os Incríveis”, onde o cara que não pediu ajuda ao super herói e foi salvo processou o herói por isso. Ele não queria ajuda mais recebeu, de forma livre, despretensiosa, espontânea.

Deus faz isso conosco diariamente. O simples fato de estarmos vivos é prova mais do que suficiente da misericórdia dele para conosco. E a maioria não se dá conta ou se esquece desses pequenos detalhes. E quando percebemos ou relembramos que Deus é por nós, ficamos assim, como estou, completamente estasiados, bobos e, por que não, envergonhados. O Pai não se esquece de nós nenhum momento sequer e a gente, nas nossas distrações, prioridades nos afastamos cada dia mais da presença desse Deus que é único, onipresente, onisciente e onipotente.

E como me dei conta disso tudo novamente? Fazendo uma das coisas que mais curto, descobrindo músicas novas, sobretudo internacionais. Sei lá porque gosto de música internacional, mais ela me atrai mais. E ai achei esse rapaz da foto abaixo. Seu nome, Micah Stampley.

Imagem

Pra varia é negão né kkk. Ou melhor, pretinho do poder. Só me falta a potência vocal que esses caras tem, o restante eu tenho, principalmente o bom gosto (olha a falsa modéstia né). O que me atraiu nas músicas dele? O estilo. Amo de paixão ouvir o Gospel na sua essência, gospel mesmo com orquestra e coral afinadíssimo a lá Ho Happy Day.

Bom, melhor do que eu falar, é ouvir o cara em ação. Deixo a primeira música que ouvi dele e sinceramente uma das mais bonitas. Ouve ai e deixa Deus falar ao teu coração.

A música é bem simples, com apenas um verso, mais muito bem construída e transmite uma emoção e espiritualidade que nos falta no gospel tupiniquim.

Tá o site dele ai: http://www.micahstampley.org/